topo cmt curva azul2


INSTITUCIONAL

TIJUCAS

COMUNICAÇÃO

LEGISLAÇÃO

Resumo da 3ª Sessão Ordinária do mês de Julho

DSC06696Vereador Vilson Porcíncula - Tem (PP)
O vereador Tem (PP) lamentou a morte do enfermeiro Marcos Aurélio Laurindo. “Ele era um verdadeiro amigo, um conselheiro que me ajudou em vários momentos difíceis”, relatou o parlamentar.


Vereador Paulo Sartori - (PT)
O vereador Paulo Sartori (PT) falou a respeito de melhorias que havia solicitado para a Rua Maria Carlota Nunes Pereira. “Os alunos não tem acesso, pois a rua é repleta de lama e valas. Em conversa com o Prefeito, ele me garantiu que a situação estaria resolvida e eu fui até lá e nenhum um bago de areia ou uma pá foi colocada. A população cobrou de mim, porque infelizmente o Prefeito não fez nada. Eu fui atrás e fiz, fui atrás da ajuda de empresários e junto com o povo daquele bairro, nós fizemos acontecer. O Prefeito não cumpre com nada, ele é um mentiroso, porque ele mentiu pra todo aquele povo que queria a melhoria”, disse ele.


Vereador José Leal Silva Júnior – Lealzinho (DEM)
O vereador Lealzinho (DEM) propôs o envio de uma moção de aplauso para a empresa Parentex. “A Parentex foi eleita pelos supermercadistas no Estado a melhor empresa no item de higiene, saúde e limpeza. Quero deixar meus parabéns aos empresários da família Soares que é uma empresa que leva o nome do Tijucas para todo o Estado e o País”, ressaltou Lealzinho.
O vereador também fez um pedido verbal solicitando que a Secretária de Obras faça uma pequena obra no bairro Pernambuco, nas proximidades da entrada para Morretes, que execute uma base para que as pessoas coloquem lixo na estrada geral do bairro do Timbé.


Vereador Eder Muraro (DEM)
”Parece que naquela região a dificuldade é muito grande, parece birra política. Também precisa de um campinho para as crianças do Campo Novo, já pedi para a Secretária, para o Prefeito e para o Superintendente da Fundação”, reivindicou o vereador, alegando que a comunidade está aguardando pelo campinho.


Luiz Rogério da Silva – Rogerinho (PMDB)
“Nós cumprimos mais uma etapa, a Câmara de Vereadores coloca de fato seu site a disposição. A página que estava em construção esse tempo todo se materializa, esta
à disposição no camaratijucas.sc.gov.br. Temos a oportunidade de colocar a disposição da comunidade, dos internautas, um aplicativo que é o SAPL, que vem do interlegis, do senado federal, onde está disponível tudo que acontece nesta Casa, toda a matéria legislativa em si está disponível, inclusive com seu devido status”, disse. O presidente também destacou sua participação na formatura do PROERD e cobrou providências do PROCON de Tijucas “Está na hora do PROCON se mexer, queremos ver mais ações”, finalizou.


Elizabete Mianes da Silva – Bete (PMDB)
A vereadora Bete pediu que a Câmara encaminhe oficio ao Sr. José Carlos de Souza, que foi eleito vice-presidente Federação das Associações empresariais de Santa Catarina. “É muito bom ver uma pessoa de Tijucas se destacando, ele é uma pessoa muito boa e eu já tive a oportunidade de conviver com ele e conhecer seu trabalho”, disse ela. A parlamentar também elogiou o Prefeito e a Secretária de Obras pela iluminação da Ponte do Pernambuco.

Fernando Fagundes - Fernando do Gordo (PMDB)
“Parabenizo ao CAEP da festa da Joáia, que fez uma grande festa no último final de semana e que fizeram uma grande homenagem a família do Sr. Hercilio Feller. Queria convidar toda a comunidade para a Festa de São Cristovão e convidar a comunidade para a final do Campeonato da Série A, Taça Elói Duarte. Finaliza a obra do bairro XV na Rua José Laus”, falou o vereador.

Jean Carlos dos Santos – Jean do Nico (PSC)
O vereador falou sobre o contato com o criador do Urbotip, que estará em Tijucas no dia 17 de julho. “Falei com o Secretário da Indústria, Comércio e Turismo Antônio Cantalício Serpa que se mostrou simpático com a implantação. Para quem não conhece é só acessar urbotip.com”, ressaltou Jean.


Indicações

Nº 179/2013 – Vereador Sérgio Murilo Cordeiro (PMDB)
O Vereador solicita que o Poder Executivo analise a possibilidade de buscar espaço físico adequado para implantar o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS).
Justificativa: O objetivo do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) é oferecer atendimento à população, realizar o acompanhamento clínico e a reinserção social dos usuários pelo acesso ao trabalho, lazer, exercício dos direitos civis e fortalecimento dos laços familiares e comunitários.
Os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS), entre todos os dispositivos de atenção à saúde mental, têm valor estratégico para a Reforma Psiquiátrica Brasileira. Com a criação desses centros, possibilita-se a organização de uma rede substitutiva ao Hospital Psiquiátrico no país. Os CAPS são serviços de saúde municipais, abertos, comunitários que oferecem atendimento diário.

Nº 180/2013 - Vereador Sérgio Murilo Cordeiro (PMDB)
O Vereador solicita que seja analisada a possibilidade de fazer uma grande campanha de divulgação dos objetivos e procedimentos necessários para acessar aos serviços do Centro de Especialidades Odontológicas (CEO)
Justificativa: O Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) estão preparados para oferecer à população os serviços de diagnóstico bucal, com ênfase no diagnóstico e detecção do câncer de boca, Periodontia especializada, Cirurgia oral menor dos tecidos moles e duros, Endodontia (tratamento canal), além de Laboratório de Prótese Dentária.
Ocorre que os tratamentos oferecidos nos Centros de Especialidades Odontológicas são uma continuidade do trabalho realizado pela rede de Atenção Básica e no caso dos municípios que estão na Estratégia Saúde da Família, como é o caso de Tijucas, pelas equipes de Saúde Bucal, onde os profissionais da atenção básica são responsáveis pelo primeiro atendimento ao paciente e pelo encaminhamento aos centros especializados apenas casos mais complexos.

Projeto de Lei
Aprovado projeto de autoria do Poder Executivo que altera dispositivos da Lei 757/90 e dá outras providências.
Art. 1º - Ficam alterados os artigos 60 e 62 da Lei Municipal nº 757/90, passando a ter esta redação:
“Art. 60 Nos condomínios residenciais unifamiliares, a fração ideal de cada uma das unidades autônomas sobre a totalidade do terreno não poderá ser inferior a uma vez e meia a área do lote mínimo previsto para área.”
“Art. 62 O número máximo de unidades autônomas por condomínio será de até 50 (cinquenta).”

Art.2º - Esta lei entra em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

A próxima sessão ocorrerá no dia 15 de julho, no horário regimental, 20h.

AddThis Social Bookmark Button

© 2013 | Joomla - v2.5 | Todos os Direitos Reservados |