topo cmt curva azul2


INSTITUCIONAL

TIJUCAS

COMUNICAÇÃO

LEGISLAÇÃO

Situação do trânsito de Tijucas é tema de reunião na Câmara

Preocupada com as condições do tráfego no município, a vereadora Lialda Lemos (PSDB) propôs uma reunião sobre o tema. Com a participação da Educadora de Trânsito, Márcia Pontes, o encontro contou com a presença de representantes da Polícia Militar, Bombeiros, população, do diretor do DITRAN, Ricardo Silva, e dos vereadores Rogerinho (PMDB), Jean do Nico (PSC) e Tem (PP).DSC07566


Para dar início, a vereadora Lialda enfatizou o propósito da reunião, “queremos fazer uma discussão informal, Tijucas pede um estudo técnico, precisamos encerrar com o amadorismo nas questões referentes ao trânsito”, disse a parlamentar que logo concedeu a palavra para Márcia.

Graduanda do curso de Segurança no Trânsito e colunista de portais de referência em trânsito, Márcia disse ter uma ligação muito forte com Tijucas, pois seus familiares residem no município. “Tijucas não é mais uma cidade tão pequena quanto pensamos. Talvez as pessoas não tenham se dado conta, mas a frota de Tijucas conta 23.185 veículos registrados no município, segundo dados do DETRAN, enquanto em 2011 tinham cerca de 20 mil.

São muitos carros na rua. Com uma frota deste tamanho, Tijucas já pede um estudo técnico das suas ações de trânsito, com o apoio da engenharia de tráfego”, ressaltou. DSC07573
De maneira abrangente, a Educadora abordou assuntos como a sinalização, acidentes com motocicletas, novos e velhos condutores, e também o reflexo de um acidente para a saúde pública.

“Quanto o município gasta com saúde pública? Quanto disso representam os acidentes de trânsito? Porque os acidentes já geram prejuízo para o município a partir do momento em que se faz a ocorrência”, explicou ela.

Representante da Diretoria Municipal de Trânsito e Transportes (DITRAN), o diretor Ricardo Silva falou sobre o trabalho desempenhado em Tijucas, “o trânsito foi municipalizado em julho de 2010, foi dado o primeiro passo e estamos em busca de melhorias.

Hoje não temos pessoas com formação na área, e contamos com a ajuda da Polícia Militar que faz milagres, pois além de dar suporte ao trânsito, eles tem outras funções, e sabemos que o efetivo é pequeno”, disse Ricardo que completou 100 dias no cargo. “Vamos chamar os agentes que prestaram o concurso público, serão seis ao total, é uma forma de dar mais um passo e aliviar o trabalho da Polícia Militar. Também estamos preparando a licitação para contratar um engenheiro de tráfego”, informou Ricardo.

DSC07578
Ao parabenizar a importância da iniciativa da vereadora, o Comandante da 3ª Cia do 12º Batalhão da Polícia Militar, Capitão Jefferson Sebastião Vieira destacou, “é fundamental a conscientização no trânsito. Temos que humanizar o trânsito, incentivar as ciclovias, facilitar o percurso para as pessoas transitarem a pé”, disse.

Em seguida o vereador Tem fez seu pronunciamento, ele ressaltou que é fundamental mais educação no trânsito, e que sejam punidos os motoristas que cometem infrações.

O Tenente Wilson Ribeiro, do Corpo de Bombeiros, mostrou preocupação ao fazer o uso da palavra. “Não sei se a população de Tijucas está preparada para receber a fiscalização no trânsito, talvez possa haver alguma resistência. Vejo algumas situações absurdas, realmente falta educação no trânsito”, falou o Tenente. Também se manifestando, o vereador Jean do Nico (PSC) acredita ser imprescindível que haja a conscientização da comunidade por meio da educação.

O presidente Rogerinho aproveitou para apontar algumas questões, “tenho cobrado algumas ações do Executivo. Vejo que já evoluímos, um exemplo é o DITRAN. Temos também o Conselho Municipal Rodoviário, que está previsto em lei e cabe a nós cobrarmos para que ele efetivamente venha a funcionar, como forma de interagir com a comunidade e encontrar alternativas para os problemas que encontramos”, ressaltou.

Link permanente da imagem incorporada

Para finalizar a vereadora Lialda agradeceu a participação de todos e reforçou que a reunião terá desdobramentos com a realização de estudos e novos encontros do grupo. A Educadora Márcia se propôs a contribuir com os estudos, também com campanhas educativas e implantação de programas de humanização.

AddThis Social Bookmark Button

© 2013 | Joomla - v2.5 | Todos os Direitos Reservados |